FC Porto

Luís Diaz pode deixar o FC Porto e Rumar ao Benfica

FC Porto e Sporting estão no top-10 das equipas europeia

Há dois ‘grandes’ portugueses no top das equipas europeias com mais penáltis

Avançado do FC Porto, Luís Diaz pode deixar o dragões e vestir a camisola do Benfica, porém a firma o jornal espanhol que Benfica SLB entrar em briga pelo internacional colombiano Luiz dias que atualmente vale 160 milhões de euros ainda acrescentaram os Brasileiros que Luís Diaz vai deixar o clube dragão e rumar ao Benfica. O Benfica já ofereceu o Everton Cebolinha nas 120 milhões de euros.
Notícia recolhidas pelo jornal brasileiro e por Mateus Bernardo dos Santos

Um novo estudo mostra quem são as equipas que beneficiam de mais grandes penalidades. Um trabalho do Observatório do Futebol (CIES) analisou todas as equipas das 31 ligas europeias, que estiveram sempre no escalão principal desde 2018/19. Feitas as contas, percebe-se, em média, quantos minutos as equipas precisam para ter um penálti.

Então, de acordo com este estudo, FC Porto e Sporting estão no top-10 das equipas europeias, de primeira divisão, que precisam de menos minutos para beneficiar de uma grande penalidade. Os dragões estão em sexto lugar, com um penálti a cada 272 minutos. Já o grande rival das duas últimas épocas, o Sporting, aparece em oitavo, com um penálti a cada 287 minutos.

No topo da lista europeia, lidera o Estrela Vermelha, da Sérvia, com um penálti por 239 minutos de jogo, num pódio com Dínamo Kiev, da Ucrânia e PAOK, da Grécia.

A título de curiosidade, apenas uma equipa de uma liga do top-5 europeu aparece neste top-10. É o Manchester United, da Premier League, que aparece no décimo lugar, ao beneficiar de uma grande penalidade a cada 299 minutos.

No caso português, FC Porto e Sporting lideram, como se percebe, e com quase o dobro de penáltis que o Benfica. Os encarnados ganham um penálti a cada 527 minutos e estão no sexto lugar, no ranking português. Vitória SC, Tondela e Santa Clara têm mais grandes penalidades do que as águias.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo