Notícias

Jesus revela chamada com Rui Costa

Jesus revela chamada com Rui Costa: "Se gostas do Benfica, deixa-me sair"

Jesus revela chamada com Rui Costa: “Se gostas do Benfica, deixa-me sair”

Treinador explicou os bastidores da sua saída do clube da Luz no final do mês de dezembro.
A estação televisiva brasileira SportTV revelou esta quinta-feira um excerto de uma longa entrevista a Jorge Jesus, na qual o técnico explicou os bastidores da sua saída do Benfica no final do mês de dezembro.

Depois de já ter relatado o episódio de indisciplina de Pizzi, o treinador recordou uma chamada que fez ao presidente Rui Costa horas após o FC Porto-Benfica, de 23 de dezembro do ano passado, o último encontro de Jesus no comando técnico das águias.

“Quando eu saio, sou eu que peço para sair. Tive um problema com um jogador. Eu nem estava no jogo. Contra o FC Porto, depois do jogo, houve um jogador que fez alguns comentários. Os meus adjuntos contaram. Juntei tudo que se estava a passar. Eu tinha uma boa relação e um grande ambiente com a equipa no Benfica. Essas questões do presidente, xingarem quando ganhávamos, o Flamengo… Naquele momento eu disse: ‘não, chegou, vou embora'”, começa por recordar Jesus.

“Às 23h30 liguei ao Rui Costa e disse: ‘tenho um problema difícil para ti e para mim. Não quero ser mais treinador do Benfica’. Ele disse: ‘Dorme bem, fala com a tua almofada, sou presidente há três meses, não me faças isso, por favor’. No dia a seguir, fomos para o treino e ele e o Luisão estavam à minha espera para tentar mudar as minhas ideias”, acrescentou.

“Disse: ‘Não quero, Rui. Nem para ti, nem para mim, nem para o Benfica. Deixa-me ir embora. Vamos chegar a um acordo e se tu és meu amigo e se gostas do Benfica, porque gostas mais do Benfica do que eu, tenho a certeza, deixa-me sair’. Cheguei a um acordo e vim embora. Passados um dia ou dois, o Flamengo contrata o Paulo Sousa”, finalizou o técnico amadorense.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo