Benfica

Médio de pesado de regresso ao Benfica

'Pesos pesados' regressam no Benfica e deixam 'miúdos' com lugar em risco

João Mário e Yaremchuk estão novamente às ordens de Nélson Veríssimo e espreitam lugar no onze frente ao Santa Clara.

O Benfica prossegue a preparação para a receção ao Santa Clara, em jogo da 22.ª jornada da I Liga, e Nélson Veríssimo recebeu duas boas notícias no treino de ontem, quarta-feira. Roman Yaremchuk e João Mário voltaram a treinar sem limitações e podem ser opção para o duelo frente aos açorianos. Quer isto dizer, claro, que o onze dos encarnados pode sofrer novas alterações, algo que tem sido apanágio do sucessor de Jorge Jesus.

Yaremchuk falhou os dois últimos jogos do Benfica devido a um traumatismo no globo ocular direito, ao passo que João Mário falhou apenas a deslocação a Tondela, depois de ter testado positivo à Covid-19 logo após a  derrota com o Gil Vicente.

Assim sendo, o avançado ucraniano e o internacional português prometem baralhar as opções de Veríssimo para o jogo com o Santa Clara e colocam em causa os lugares dos companheiros Gonçalo Ramos e Paulo Bernardo, respetivamente.

 

O jovem avançado português recuperou algum fulgor na equipa principal após a saída de Jorge Jesus e apontou dois golos nos úlimos dois jogos, argumento que pode remeter Yaremchuk, que custou 15 milhões de euros, no verão, para o banco de suplentes. Por sua vez, Paulo Bernardo também tem sido aposta de Veríssimo, mas o estatuto de João Mário pode significar o regresso à condição de suplente.

Ainda assim, vale recordar que a resposta do Benfica em Tondela foi positiva, e significativamente melhor face aos jogos anteriores, e Nélson Veríssimo poderá optar por repetir, até de forma inédita, o mesmo onze inicial, preferindo optar por uma via de maior estabilidade.

Santa Clara já causou estragos aos rivais 

Atualmente no 10.º lugar da tabela classificativa, o Santa Clara promete dificultar a vida ao Benfica na Luz. Os açorianos encontram-se agora numa posição mais tranquila no campeonato, depois de terem estado várias jornadas em zona de descida.

Na memória estão, também, as recentes vitórias frente a FC Porto e Sporting. Na Taça da Liga, foram os açorianos os principais responsáveis pela eliminação dos dragões na prova, conseguindo mesmo chegar à final four, e, na I Liga, venceram o Sporting, em São Miguel, no início deste ano de 2022.

Goleada da primeira volta motiva resposta

O que também ainda está na memória dos adeptos do Santa Clara é a goleada sofrida em casa às mãos das águias (0-5), em jogo da primeira volta do campeonato disputado a 11 de setembro. Na altura, a equipa dos Açores ainda era comandada por Daniel Ramos, treinador que acabaria por sair semanas mais tarde. Nuno Campos foi o sucessor mas não resistiu aos maus resultados e deixou o comando técnico. Mário Silva é, assim, o terceiro técnico do Santa Clara só na presente temporada e parece ter encontrado a fórmula do sucesso. O saldo é positivo: apenas uma derrota em cinco jogos disputados.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo