Notícias

Rui Santos e Rui Moreira Insultam gravemente Pinto da Costa

Rui Santos questiona Rui Moreira: “Vai caminhar lado a lado com Pinto da Costa…”

Rui Santos recorreu ao seu espaço de opinião no site da CNN Portugal para endereçar uma carta aberta dirigida a Rui Moreira, a propósito dos Super Dragões e da recente morte de Igor Silva, ainda antes da final da Taça de Portugal.

Rui Santos recorreu ao seu espaço de opinião no site da CNN Portugal para endereçar uma carta aberta dirigida a Rui Moreira, a propósito dos Super Dragões e da recente morte de Igor Silva, ainda antes da final da Taça de Portugal.

O comentador defende uma dissociação do presidente da Câmara do Porto com Pinto da Costa para atacar aquilo que entende ser um problema de segurança na cidade, recordando a trágica morte do adepto nos festejos do título.

Rui Santos entende que Rui Moreira deve tomar esta posição de ir contra o pensamento e os valores defendidos por Pinto da Costa, caso pretenda assumir no futuro a presidência do FC Porto.Por isso o comentador defende que o presidente da Câmara do Porto deve tomar medidas para tornar a cidade mais segura, apontando o dedo aos Super Dragões.

Permita-me que lhe dirija em público algumas palavras, porque há um conjunto de situações relacionadas direta ou indiretamente com a sua condição de presidente da Câmara de Municipal do Porto que me preocupam enquanto português e também enquanto observador das coisas do mundo do futebol.O FC Porto vive um momento alto porque se sagrou campeão nacional e é favorito para conquistar este domingo a Taça de Portugal.

A ‘dobradinha’ e a possibilidade de conquistar três troféus consecutivos (juntando a Supertaça em Julho) coloca o FC Porto, desportivamente, num momento que enche de natural orgulho a comunidade portista.Esse é um ponto que deve merecer aplauso.

Conhecemo-nos minimamente no plano fute-ideológico para saber que, sem qualquer tipo de drama ou crítica, não estamos de acordo sobre o que deve ser a relação entre a política e os clubes de futebol.Entendo desde sempre que uma Câmara Municipal deve ser inclusiva e, no caso do futebol, olhar para todos os clubes com essa mesma visão inclusiva

.O FC Porto, por maioria de razão, e por ser o clube mais representativo da cidade, deve estar nessa perspetiva inclusiva e isso, a meu ver, não merece contestação.O que eu discordo, e isso vale para o Porto, para Lisboa ou para qualquer outra cidade ou município, é uma espécie de submissão do poder político em relação aos clubes de futebol que lhe retira autoridade e capacidade de agir quando valores mais altos se levantam, acima das conquistas desportivas.Conhecemos a história das relações entre a CM do Porto e o FC Porto, conhecemos ações tão díspares como aquelas que caracterizaram as presidências de RUI RIO e de FERNANDO GOMES, hoje administrador da SAD portista, e aquilo que genericamente defendo é que nunca haja conflitos de interesses e que um presidente de Câmara se sinta livre de decidir em conformidade com os interesses da cidade, por exemplo em matéria de segurança, porque nela vivem ou pode receber a visita de cidadãos com simpatia por outros clubes ou a revelar outras preferências que não sejam exatamente ligadas ao futebol.

Sabe, RUI MOREIRA, como todos sabemos, houve uma morte brutal na cidade do Porto, de um rapaz que foi barbaramente esfaqueado, e também sabemos das ligações que existem entre fautores de violência na urbe e a claque mais representativa do FC Porto.

RUI MOREIRA sabe que não tem apenas um problema de violência e de insegurança na sua cidade, tem um conjunto de bairros problemáticos onde o crime está instalado.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo