Benfica

Di María terminou o contrato com o Paris Saint Germain

Benfica tem trunfo que mais ninguém tem para convencer Di María

Benfica tem trunfo que mais ninguém tem para convencer Di María

Di María terminou o contrato com o Paris Saint Germain, no final desta temporada. O astro argentino, que passou pelo Benfica, terminou a ligação ao clube francês e é agora um jogador livre, depois de sete anos em Paris.

Com o futuro ainda por resolver, o jogador de 34 anos tem sido muito falado para reforçar a Juventus e até o Barcelona. Dois clubes que financeiramente poderiam ser muito vantajosos para o astro argentino, neste final de carreira. No entanto, ainda nada está garantido

Em ano de Mundial, o extremo argentino quer chegar ao Qatar na sua melhor forma, nesta que será a sua grande prova com a camisola albiceleste. O jogador vai deixar a seleção após o Mundial 2022.

 

Até lá, Di María deverá chegar a um clube que lhe permita competir e chegar em forma ao Campeonato do Mundo. E será na Europa, de acordo com as suas indicações ao jornal argentino Olé. “A minha ideia por agora é ficar na Europa. Tenho de estar à altura do Campeonato do Mundo, por isso prefiro ficar aqui”, disse recentemente o astro argentino, a adiar um regresso ao Rosario Central, o clube argentino de onde saiu muito jovem, em 2007, para assinar com o Benfica.

Entretanto, o astro argentino está a passar férias em Ibiza, com a família, e na CNN, uma revelação sobre o que poderá fazer pender as negociações a favor do Benfica.

De acordo com os comentadores, o Benfica poderia acenar com um projeto para o pós-carreira do jogador. Ao contrário de Barcelona e Juventus, o jogador tem uma ligação sentimental ao Benfica, onde poderia ficar após terminar a carreira, para exercer outras funções. Portanto, o Benfica pode não acenar com um salário tão chorudo quanto os outros clubes, mas pode oferecer a Di María uma continuidade, depois do futebol. Di María poderia ficar com um cargo no Benfica, após terminada a carreira.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo