Sporting

CMTV Fez Comentários graves sobre Sporting

Antigo vice-presidente do Benfica na CMTV, que ainda atirou mais suspeitas.

João Braz Frade, antigo vice-presidente do Benfica, contestou o mau clima que se vive no futebol português, sobretudo com esta tensão crescente entre FC Porto e Sporting. Um clima, para muitos, irrespirável e que poderia ser um dos piores momentos do futebol português.

“O problema no futebol português é que isto está pior que no tempo do Apito Dourado. As desconfianças são maiores e, para mim, a culpa não é atribuível ao clube A, B ou C. O problema é que o futebol foi sequestrado por um conjunto de indivíduos que estão em vários sítios, nem vou dizer onde para evitar mais chatices mas toda a gente percebe. Estão a tomar decisões que favorecem um, ou favorecem outro”, disse João Braz Frade, que acredita que tudo isto ainda pode piorar.

“E eu nem quero entrar por aí. Enquanto este ambiente se mantiver, isto só vai piorar e vai agravar”,  continuou o antigo dirigente dos encarnados, antes de espicaçar mais diretamente o FC Porto.

“Este ano parecia uma festa organizada para festejar os 40 anos de presidência do senhor Pinto da Costa. Este ano foi uma vergonha completa. Podia ter sido outra coisa qualquer. A mim, que vi de fora, pareceu-me um festim organizado. Foi o que me pareceu”, disse o antigo vice-presidente do Benfica na CMTV, que ainda atirou mais suspeitas.

“O VAR veio para tornar o futebol mais correto. Em grande parte conseguiu. Mas na parte em que impera a subjetividade, as suspeitas são cada vez maiores e isto não pode continuar a acontecer. A Federação Portuguesa de Futebol tem que mudar regulamentos ou algumas pessoas”, pediu ainda, antes de afirmar que Frederico Varandas “não disse mentira nenhuma” sobre Pinto da Costa.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo