Benfica

Benfica já fez proposta por Ibrahim Sangaré

Roger Schmidt não desiste de Ibrahim Sangaré

Assim que o nome de Roger Schmidt entrou na agenda do Benfica que se começou a falar no desejo do treinador alemão se mudar para a Luz com um dos seus pupilos no PSV Eindhoven.

Trata-se de Ibrahim Sangaré, o médio defensivo costa-marfinense, de 24 anos. O jogador seria o favorito de Roger Schmidt para a posição de trinco. O problema com Sangaré foi, desde o início, o valor a pagar por este reforço. De acordo com o site especializado Transfermarkt, o jogador tem agora um custo avaliado em 16 milhões de euros.

No entanto, os neerlandeses poderiam exigir mais pelo médio, pelo qual pagaram 9,5 milhões em 2020 ao Toulouse. O Benfica não deveria conseguiu negociar o médio defensivo por valores abaixo dos 20 milhões de euros.

Sangaré evoluiu muito com Roger Schmidt no PSV Eindhoven. Nesta segunda temporada no campeonato neerlandês, o jogador fez 46 jogos e ainda contribuiu com quatro golos e quatro assistências.

 

Poderia ser ele o único jogador do PSV a acompanhar Schmidt nesta nova missão, depois das coisas se terem complicado por Mario Gotze. De acordo com o jornal Record, nas últimas horas, as negociações estariam a avançar mais por Sangaré, que continua a ser o principal alvo para a posição.

 

“É um médio com um raio de ação muito largo, quer em tarefas defensivas ou ofensivas, ou seja, pode jogar a seis ou a oito. Enquadra-se muito bem num meio campo a três ou a dois, tal como vi na equipa do Roger Schmidt com um duplo pivot. A primeira vez que vimos o Sangaré ainda jovem com um 1.90 metros, rapidamente pensamos num jogador forte nos duelos e jogo aéreo, mas ele depois distingue-se com outras características, porque sai bem com a bola mesmo sobre pressão, e não se intimida a fazer passes ou a transportar a bola, é um jogador muito vertical sem medo do risco”, definiu o treinador Jonathan Alves, em declarações à TSF. O português que treinou Sangaré no Toulouse.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo