Benfica

Al-Khelaifi Quer Enzo Fernández no PSG

Quanto vale o PSG? Al-Khelaifi responde e diz estar disposto a vender 15 por cento

Presidente do emblema parisiense confirmou que está disposto a ceder 15 por cento da participação da Qatar Sports Investment no clube.

Afinal, quanto vale o PSG? Al-Khelaifi, dono do emblema francês, confirmou ao “Financial Times” que o valor ascende a 4 000 milhões de euros e que está disposto a vender parte da participação da Qatar Sports Investment no clube.

Pois bem, o PSG decidiu implementar uma política de abertura após dez anos de investimento ininterrupto, sem conseguir ganhar a Liga dos Campeões. ​​​Al-Khelaifi está assim disposto a vender 15 por cento.

Há alguns meses que o presidente do PSG tem mantido conversações com vários investidores de forma a abrir-se a novas estratégias de posicionamento que expandissem ainda mais a marca que o clube da capital francesa se tornou.

Depois do ‘golaço’ marcado ao México, que lhe valeu rasgados elogios do selecionador Scaloni e do capitão Messi, a popularidade de Enzo Fernández disparou em flecha.

 

Na Argentina ‘exigem’ a titularidade frente à Polónia, em Espanha fazem-se prognósticos sobre o futuro do jovem médio, de 21 anos.

«O Benfica e a Argentina sabem que têm um diamante em bruto. E é preciso começar a explorá-lo neste Mundial. O Benfica vai explorá-lo no verão com uma transferência (para a LaLiga ou para a Premier League) que será na casa dos 100 milhões de euros», escreve a Marca.

Mais euro, menos euro, esse será o valor de mercado de Enzo tendo em conta, destacando-se agora no Catar, foi também «o jogador mais completo deste grande Benfica pré-Mundial». O artigo daquele jornal espanhol recorda que o argentino chegou à Luz no verão proveniente do River Plate por 18 milhões de euros e que ficou com uma cláusula de rescisão de 120 milhões de euros.

ESPANHÓIS ANTECIPAM TRANSFERÊNCIA MILIONÁRIA DE ENZO FERNÁNDEZ

Segundo Al-Khelaifi, o clube está então avaliado em 4 000 milhões de euros, ou seja, se um investidor adquirisse 100 por cento, algo improvável neste momento, bateria o recorde de aquisição de um clube de futebol, recorde esse que é detido pelo Chelsea, que foi vendido a um fundo americano, este verão, por 2,5 mil milhões de euros.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo